Home Música Noticias Literatura Contatto Serviços Pagina 8 Livros Outros...
Cronica e arte

CRONICA E ARTE  CNPJ nº 21.896.431/0001-58 NIRE: 35-8-1391912-5 email cronicaearte@cronicaearte.com.br Rua São João, 869,  14882-010, Bairro Aparecida Jaboticabal SP
ATRIZ EVA VILMA MORRE NESTE SÁBADO AOS 87 ANOS Radio Agencia Nacional Edição Mentore Conti Mtb 0080415 SP // foto EBC Jaboticabal, 16 de maio de 2021 Faleceu na noite deste sábado, aos 87 anos, a atriz Eva Wilma. A atriz estava internada desde o dia 15 de abril no Hospital Albert Einstein em São Paulo, tratando problemas cardíacos e renais. Agora em maio, no entanto, este mês Eva Vilma também foi diagnosticada com um câncer de ovário, e de acordo com o hospital, a doença acabou levando a uma insuficiência respiratória. Uma das grandes damas da dramaturgia brasileira, Eva Wilma iniciou sua carreira artística como bailarina, mas já na década de 50, com cerca de 20 anos, começou a estrelar peças de teatro, filmes da companhia Vera Cruz, e atrações na televisão. Seu primeiro papel de destaque na telinha foi como protagonista do seriado Alô, Doçura. Entre as mais de 60 produções em que ela atuou, se destacam os papéis das gêmeas Ruth e Raquel, na primeira filmagem da novela Mulheres de Areia, a icônica vilã Maria Altiva de A Indomada, e a Doutora Marta do seriado Mulher. Seu último trabalho foi nos palcos, o show Casos e Canções, que estreou em 2018, onde ela celebrava seus 65 anos de carreira, cantando composições marcantes de sua vida, ao lado do filho John Herbet Junior. Pelas redes sociais, a atriz recebeu homenagens dos familiares e também de colegas. O neto Francisco Buck, classificou a avó como uma artista nata e uma mulher gigante. O escritor Walcyr Carrasco, autor de Verdades Secretas, uma das últimas aparições de Eva na TV, declarou que ela era uma das artistas mais talentosas do país e que dedicou sua vida à arte. Já a atriz Beth Goulart escreveu que Eva era uma estrela de primeira grandeza em todos os sentidos e lembrou também que a artista era uma mulher de opinião, que sempre se posicionou pela justiça e liberdade. Eva Wilma foi casada duas vezes, com os atores John Herbert e Carlos Zara, já falecidos, e deixa dois filhos e cinco netos.